A Petrobras paga mais de 180 BILHÕES DE REAIS em tributos e royalties para o Brasil

A Petrobras pagou mais de R$ 180

Uma coisa é certa sobre os impactos da privatização da Petrobras, a geração de tributos e royalties aos estados, municípios e a União vai cair drasticamente.

E não é pouca coisa.

Só em 2018, a Petrobras pagou mais de R$ 180 bilhões em tributos e royalties para a União, estados e municípios (R$ 109 bilhões para a União Federal; R$ 72,4 bilhões para estados e R$ 1 bilhão para municípios).

Agora imagine perder essas quantias, simplesmente porque o Governo Federal executa uma política de desinvestimento que prioriza atender aos interesses dos acionistas, importadores de combustíveis e multinacionais do setor do petróleo?

Que fique claro: quem perde com isso é população brasileira.

Além dos tributos gerados à União, estados e municípios, a Petrobras repassa investimento para diversos setores fundamentais para o desenvolvimento do país. Em 2018, por exemplo, a estatal investiu R$ 2,3 bilhões em Pesquisa, Desenvolvimento e Inovação.

Só em projetos culturais, esportivos e socioambientais foram investidos cerca de R$ 600 milhões nos últimos três anos. Nada disso aconteceria se ela fosse privatizada!

 

E tem também os royalties

Além dos tributos fixos (PIS, Cofins, ICMS, entre outros) , a Petrobras distribui royalties.

Essa política de distribuição começou em 2013, quando aprovaram a Lei 12.858, chamada de “Lei dos Royalties do Petróleo”. Nela se determina que 75% dos royalties do Pré-sal tenham como destino a educação e os outros 25% a saúde.

 

Mas, o que são os royalties?

São compensações financeiras que a Petrobras paga à União (Governo Federal), estados e municípios pelo direito de explorar recursos não renováveis, neste caso, o petróleo e gás.

A Petrobras deve essa exploração ao povo brasileiro, seu principal acionista. Pela legislação brasileira, o petróleo não é de quem o encontra, pertence ao país.

Cada jazida de petróleo ou gás natural é uma concessão para exploração.

Por isso que se cobra, através de uma Lei, que esses recursos sejam aplicados em desenvolvimento de políticas públicas que beneficiam a população.

 

Você sabe quanto, em 2018, o setor de petróleo e gás natural gerou ao país em royalties?

:: Foram R$ 23,3 bilhões para o Brasil;

:: O Rio de Janeiro, por exemplo, recebeu mais de R$ 4,2 bilhões em royalties 2018, e a grande maioria foi paga pela Petrobras;

:: Esses recursos são destinados ao desenvolvimento de políticas públicas que beneficiam a população em áreas como: saúde, educação, segurança pública, infraestrutura, geração de emprego e renda, proteção ao meio ambiente, política agrária e tantas outras;

:: Sem esses recursos, muitas cidades (ou mesmo estados) entrariam em colapso financeiro;

 

Bom, que os royalties são fundamentais para o país, ninguém duvida. Mas, se a Petrobras for privatizada, esses repasses tendem a diminuir drasticamente.

Isso porque o cálculo de pagamento desses repasses leva em consideração o valor do barril de petróleo e o custo de produção. E, quanto maior esse custo, menor o valor dos royalties.

Se vender refinarias, por exemplo, o Brasil perde em circulação de produto, já que derivado de petróleo refinado será importado e como consequência se reduzir a arrecadação de royalties.

Na verdade, ninguém, em sã consciência, abre mão desses recursos.

São investimentos essenciais para o país.

Quer saber mais? veja nossa outra matéria: É verdade que a Petrobras é cabide de emprego?

 

Compartilhe nossa campanha no Facebook

Siga-nos no Instagram

 

Passado, Presente e Futuro: A Petrobras é tudo isso e muito mais

Venda da BR Distribuidora ajuda a entender por que a redução de preços não chega aos consumidores
Venda da BR Distribuidora ajuda a entender por que a redução de preços não chega aos consumidores
No mês de março, estourou a maior crise mundial do petróleo das últimas décadas. Naquele momento, o preço internacional do barril despencou com a queda da demanda, causada pela pandemia...
A Petrobras é nossa, mas por que o preço do combustível no Brasil está tão alto?
A Petrobras é nossa, mas por que o preço do combustível no Brasil está tão alto?
O brasileiro diariamente sofre consequências da política adotada pelos governos Temer e Bolsonaro, que optaram por atrelar o preço dos derivados do petróleo às variações do mercado internacional, que opera...
“Hibernação” é política de desmanche para venda de fatias da Petrobras
“Hibernação” é política de desmanche para venda de fatias da Petrobras
A partir de 2016, a direção da Petrobras mudou de rumo logo que o governo Temer assumiu.   A privatização da empresa passou a ser meta de setores que não possuem...